O Dia do Hino Nacional Brasileiro

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A música do Hino Nacional do Brasil foi composta por Francisco Manuel da Silva em 1822. A letra do Hino veio anos mais tarde, em 1909, escrita por Joaquim Osório Duque Estrada (1870 – 1927).

O Hino Nacional Brasileiro – composto por Francisco Manuel da Silva – se tornou oficial durante as comemorações do centenário da Independência do Brasil, em 1922.

No entanto, a letra e música que é conhecida atualmente – composta por Joaquim Osório Duque Estrada – só foi oficializada em 1º de setembro de 1971, através da lei nº 5.700.

O Hino Nacional é um dos símbolos da República Federativa do Brasil, e desde 2009 é obrigatório que seja cantado pelo menos uma vez por semana em todas as escolas públicas e particulares do país.

O processo de criação de um hino nacional que representasse a independência do Brasil foi bastante complicado.

A escolha do dia 13 de abril para comemorar do Dia do Hino Nacional é uma referência a uma manifestação que ocorreu nesta data em 1831, quando o ex-imperador do Brasil, D. Pedro I, embarcava para Portugal.

 

Dia do Jovem

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Também conhecido como Dia dos Jovens, esta data celebra uma das fases da vida humana de maior descobertas, experiências e aventuras: a juventude.

De acordo com a Organização das Nações Unidas – ONU, os indivíduos entre os 15 e 24 anos são considerados jovens.

Durante a juventude tudo é possível! As pessoas ainda têm a possibilidade de escolher o rumo que quiserem para as suas vidas. Este é o momento-chave para começar a construir o futuro que o jovem terá quando for adulto.

Segundo a ONU, existem no mundo mais de um bilhão de jovens. Infelizmente, nem todos têm as mesmas oportunidades na vida.

A Constituição Brasileira confere a todos os jovens o direito de receber do Estado Brasileiro: educação, saúde, moradia e oportunidades de trabalho, mas nem sempre isso acontece como era suposto.

Os brasileiros ainda celebram o Dia da Juventude do Brasil (22 de setembro), uma data que lembra da importância do papel dos jovens em alguns dos momentos mais significantes da história do país.

 

Dia do Office-Boy

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dia do Office-Boy é comemorado anualmente em 13 de Abril, no Brasil.

A data homenageia a figura do chamado "garoto de escritório", ou seja, o profissional que é responsável pela entrega e retirada de pagamentos, encomendas, depósitos bancários, comunicados e muitas outras coisas que facilitam e agilizam a organização de uma empresa.

Normalmente, os office-boys são utilizados pelas empresas para prestar serviços bancários e de comunicação (correios) foram do ambiente do escritório.

Os office-boys são, por norma, profissionais que estão no começo da carreira; jovens ou mesmo adolescentes.

Quando a responsável pelas entregas e comunicação interna de um empresa é do sexo feminino, o termo utilizado é "office-girl".

 

Dia do Beijo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dia Internacional do Beijo ou Dia do Beijo é comemorado em 13 de abril.

Esta data homenageia um dos gestos de carinho mais intensos entre os seres humanos: o beijo.

Seja entre amigos, familiares ou namorados, o beijo está sempre presente e é uma importante representação humana, principalmente nas sociedades ocidentais, de afeto e carinho.

Normalmente, o Dia do Beijo é comemorado entre os casais com muitos beijos. Já os solteiros, costumam celebrar a data beijando seus amigos ou mesmo desconhecidos, em eventos que promovem o chamado “beijo coletivo”.

Mensagem para o Dia do Beijo

Para desejar um feliz Dia do Beijo, nada como dedicar frases de beijos:

Quando eu sinto os seus lábios nos meus, tenho a sensação que o mundo para de girar, que os pássaros deixam de voar e que as estrelas ficam a nos admirar… Melhor coisa nesta vida com certeza não há!

Seja na bochecha, no cantinho da boca, de “borboleta” ou na testa… Não importante onde seja, o importante é poder te beijar todos os dias.

O teu beijo carrega todas as baterias do meu corpo. Dá-me energia para enfrentar os problemas do dia-a-dia. Obrigado!

O teu beijo é um artista que deseja todos os dias o sorriso do meu rosto.

Para outras belas mensagens, acesso ao Mundo das Mensagens!

Origem do Dia Internacional do Beijo

Não se sabe ao certo como começou, mas segundo uma lenda italiana, havia um jovem chamado Enrique Porchelo que era conhecido por ter beijado todas as mulheres de sua vila.

Cansado de tantos rumores, o padre da pequena vila ofereceu um prêmio em moedas de ouro para a mulher que nunca havia sido beijada pelo jovem italiano. Ninguém apareceu para reclamar o prêmio e, de acordo com a lenda, o tesouro permanece escondido em algum lugar da Itália.

Supostamente, a origem desta história remonta o dia 13 de abril de 1882.

Curiosidades sobre o Beijo

  • São transmitidas cerca de 250 mil bactérias em cada beijo;
  • O recorde mundial de beijos é do americano Alfred A. E. Wol, que beijou 8.001 pessoas em apenas 8 horas;
  • O rei Henrique VI, em 1439, proibiu todos os tipos de beijos na Inglaterra com a intenção de evitar a proliferação de bactérias;
  • Durante um beijo apaixonado são ativados 29 músculos do corpo;
  • Em média, ao longo da vida, uma pessoa troca 24 mil beijos, entre familiares, amigos e amores.
  • De acordo com textos sânscritos, o primeiro beijo relacionado ao ato sexual que se tem notícia teria sido dado há dois mil anos na Índia.

A origem do Beijo

Alguns cientistas acreditam que a origem do beijo está no olfato.

Durante muito tempo, cheirar o rosto da pessoa amada era um sinal de afeto e prazer. O roçar da boca passou a ser consequência dos atos de cheirar o rosto do parceiro, surgindo assim os primeiros beijos.

Outra teoria diz que o beijo surgiu a partir de uma experiência de afeto e atenção dos nossos antepassados: a alimentação. Os filhos recebiam dos pais a comida mastigada diretamente na boca. Este ato teria ficado registrado como um símbolo de carinho e amor.

 

CARTA RÉGIA

 

 

 

 

 

 

 

A Carta Régia foi um tipo de documento histórico, que era assinado por monarcas. Este documento oficial era empregado e assinado por autoridades portuguesas, a fim de instituir alguma determinação permanente e obrigatória.

No Brasil, a carta régia foi utilizada em 1701, em 1785 e em 1808. Nesta última ocasião, a carta apresentava o Decreto de Abertura dos Portos às Nações Amigas.

É possível dizer que a carta régia era um instrumento legal da coroa de Portugal. Também chamado de ordem régia, o documento teve grande importância no Brasil Colônia.

A carta régia de abertura dos portos, por exemplo, foi uma das primeiras iniciativas de Dom João após a mudança da corte portuguesa para o Rio de Janeiro, em novembro de 1807. O documento foi assinado exatamente em 28 de janeiro de 1808.

A medida acabava com o bloqueio do comércio marítimo e abria o Brasil para o recebimento de produtos estrangeiros e para a exportação de seus próprios produtos para as nações amigas de Portugal. O único produto brasileiro que não poderia ser exportado era o Pau-Brasil.

Em resumo, é possível definir a carta régia como um documento que era promulgado por autoridades sem passar pela chancelaria. Na história de Portugal existiram várias ordens régias, como a carta de Dom João I que determinava a mudança do calendário utilizado no país, assinada em 22 de agosto de 1422.

A carta régia se parecia com um diploma. Como já citado, na história do Brasil a carta decretou o fim do pacto colonial. O decreto de abertura dos portos beneficiou principalmente a Inglaterra, nação que ajudou a coroa portuguesa a fugir para o Brasil durante o domínio de Napoleão, na Guerra Peninsular.